Sábado, 14.10.17

Reveladas primeiras gravações da reedição de “News of the World”, dos Queen

queen.jpg

 

Reveladas primeiras gravações da reedição de “News of the World”, dos Queen

Foi também criado um microsite com informações exclusivas desta reedição

A 17 de novembro será lançada uma caixa especial com a reedição do álbum histórico
News of the World, celebrando-se o 40.º Aniversário do seu lançamento original.

Entretanto, acabam de ser reveladas duas das gravações inéditas que agora farão parte desta reedição: “We Are the Champions (Raw Sessions Version)” e “We Will Rock You (Raw Sessions Version)”. Ambos os temas já estão disponíveis nas várias plataformas digitais.

Foi também criado um microsite com informações exclusivas sobre esta reedição do 40.º Aniversário de “News of the World”: http://notw40.queenonline.com

Esta reedição inclui o álbum original em CD, mais dois CDs com maquetes descobertas recentemente e raridades dos arquivos da banda, sendo que um dos CDs é uma nova versão alternativa do álbum – “Raw Sessions”.

 

Para muitos devotos dos Queen, este CD “Raw Sessions” é a componente mais intrigante desta nova edição. Descoberto nas fitas originais de gravação, este extraordinário álbum paralelo traz à luz versões alternativas de cada um dos 11 temas do álbum ,nunca ouvidas até hoje. As vozes estão diferentes, como estão maior parte da gravações de guitarra e uma grande parte dos detalhes instrumentais. Podemos, então, experienciar “We Are the Champions” com elementos vocais e instrumentais desconhecidos até agora, e, pela primeira vez, na sua versão completa, em vez da versão editada que saiu no álbum de 1977. Faz ainda parte desta edição uma gravação de Freddie Mercury em pico de forma de um tema que até hoje ninguém o ouviu cantar fora do círculo íntimo dos Queen: “All Dead, All Dead”, de Brian May. A versão original conta com a voz do próprio May. “Sheer Heart Attack”, de Roger Taylor, pode ser ouvida na sua versão original com a introdução de guitarra que se julgava perdida, bem como com um final sem edição. “Fight From the Inside”, de Taylor, é ainda mais surpreendente porque podemos ouvir a sua maquete vocal trabalhada no seu estúdio caseiro, em preparação para as sessões de gravação.

Outro complemento extraordinário desta caixa especial de 40.º aniversário é uma impressão analógica do LP original, feita diretamente a partir das fitas analógicas não masterizadas. A caixa inclui ainda vários objetos de memorabilia, como três pósteres e um livro de 60 páginas com várias imagens, a maioria delas nunca antes vistas. 

A caixa fica completa com um DVD que inclui um novo documentário de uma hora, “Queen: The American Dream”, criado a partir de imagens de bastidores filmadas durante a digressão nos EUA de “News of the World”.

Outro complemento extraordinário desta caixa especial de 40.º aniversário é uma impressão analógica do LP original, feita diretamente a partir das fitas analógicas não masterizadas. A caixa inclui ainda vários objetos de memorabilia, como três pósteres e um livro de 60 páginas com várias imagens, a maioria delas nunca antes vistas.

publicado por olhar para o mundo às 00:13 | link do post | comentar
Sexta-feira, 13.10.17

Avenged Sevenfold lançam versão deluxe de “The Stage”

avenged.jpg

 

Avenged Sevenfold lançam versão deluxe de “The Stage” a 15 de dezembro

Álbum já está disponível em regime de pré-venda e inclui sete novos temas

Os Avenged Sevenfold anunciaram que a 15 de dezembro será lançada a versão deluxe do seu aclamado álbum “The Stage”. Esta nova edição inclui 7 novas canções e 4 temas gravados ao vivo durante os recentes espetáculos na O2 Arena, em Londres. Entre os 7 temas bónus está uma versão surpreendente do clássico dos Pink Floyd “Wish You Were Here”, que acaba de ser lançada e já está disponível, bem como o respetivo vídeo.

Tanto as versões física como digital desta edição deluxe de “The Stage” estão disponíveis em regime de pré-venda, sendo que as versões em CD e vinil inclui uma capa especial lenticular.

 

Sobre a versão de “Wish You Were Here”, o vocalista M. Shadows afirma: “Esta é a canção que começou este projeto recente de versões. Sempre adorei esta canção e embora sentisse que seria impossível captar a carga sombria do tema original, abordámo-lo com outro propósito. Existe uma mordacidade nesta canção que parece apropriada em relação a tudo o que está acontecer no mundo hoje em dia. Damos-lhe um twist moderno e reintroduzimo-la numa altura em que poderá ajudar a captar aquilo que alguns de nós estamos a sentir.”

 A edição deluxe é um último capítulo de um ciclo inovador que começou há 12 meses quando os Avenged Sevenfold lançaram de surpresa “The Stage”, tornando-se a primeira banda de rock a lançar um álbum, não anunciado até então, nos formatos físico e digital. A banda anunciou o lançado para milhões de fãs que assistiam à transmissão em direto, via streaming, na atuação da banda no terraço da Capitol Records Tower, em Hollywood. Neste evento inovador, o quinteto deu uma performance em realidade virtual em 3D/360º, permitindo a fãs de todo o mundo de viverem o intenso concerto dos Avenged Sevenfold como se estivessem no mesmo local que a banda.

 

Meses depois a banda anunciou que “The Stage” iria ser transformado num trabalho evolutivo, com novos temas a serem adicionados ao alinhamento.

Além dos 11 temas originais, a versão deluxe inclui versões de: Mr. Bungle – “Retrovertigo” -, Del Shannon – “Dose”; The Beach Boys – “God Only Knows”; e dos The Rolling Stones –
As Tears Go By. O disco inclui ainda o tema “Runaway”, com participação do guitarrista dos Vandals, Warren Fitzgerald, bem como gravações ao vivo de “The Stage”, “Paradigm”,
Sunny Disposition e “God Damn”.

A Rolling Stone descreveu “The Stage” como “épico e aventuroso” e “o álbum mais agressivo da carreira do quinteto”. Publicações como a NME, Q, Guardian, Guitar World, Metal Hammer, Revolver, Metal Injection, Alternative Press, Drum, Total Guitar e Classic Rock eloogiram muito o álbum, com a última a defini-lo como “uma obra-prima do metal”.

publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

Justin Bieber tem a canção mais ouvida na rádio nacional: “Friends”

biber.jpg

 

Justin Bieber tem a canção mais ouvida na rádio nacional: “Friends”

Single de estreia do produtor BloodPop é uma das músicas mais ouvidas do Spotify

Friends” assinala a estreia em nome próprio do produtor norte-americano BloodPop e depois de já terem trabalhado juntos no álbum “Purpose” (2015), agora o produtor voltou a convocar Justin Bieber para este single, que é já um grande sucesso em Portugal.

O tema não só lidera o top de airplay da rádio nacional, como se encontra de momento em 10.º lugar  da tabela dos temas mais ouvidos no Spotify em Portugal. O single tem uma média de 118 mil streams por dia!

Friends” já atingiu também o 1.º lugar do top dos singles mais vendidos no iTunes em Portugal e atualmente encontra-se em 19.º do top da Apple Music.

Este single sucede-se a uma outra colaboração estrondosa de Justin Bieber, no incontornável “Despacito”, de Luis Fonsi & Daddy Yankee, o maior sucesso deste verão, remix que só no YouTube/VEVO conta com mais de 547 milhões de visualizações.

 

 

publicado por olhar para o mundo às 11:13 | link do post | comentar

Quatro canções originais fazem parte da nova curta de animação “Frozen: Uma Aventura de Olaf”

frozen.jpg

 

Quatro canções originais fazem parte da nova curta de animação “Frozen: Uma Aventura de Olaf”

Banda sonora é editada a 17 de novembro e antecipa a estreia da curta, que será exibida nos cinemas com o novo filme da Disney•Pixar, “Coco”, a 23 de novembro

A banda sonora da curta-metragem de animação dos Walt Disney Animation Studios “FrozenUma Aventura de Olaf” será lançada a 3 de novembro, antecipando assim a estreia da curta, que será exibida com a nova longa-metragem da Disney•Pixar, “Coco”, a 23 de novembro. “Frozen Uma Aventura de Olaf” conta com quatro canções originais compostas por Elyssa Samsel e Kate Anderson (do musical “Between the Lines”) e banda sonora de Christophe Beck, que compôs também a banda sonora de “Frozen: O Reino do Gelo”, premiado em 2013 com um Óscar.

Será também editada uma versão portuguesa da banda sonora de “Frozen: Uma Aventura de Olaf”, que contará com as versões em português dos temas originais, pelas vozes de Henrique Feist (interpreta Olaf), Cátia Moreira (Anna), Ana Encarnação (Elsa) e Filipe Gonçalves (Kristoff). “Acordar o Natal”, “A Balada de Flemmingrad”, “Quadra do Mês” e “Quando Estamos Juntos” são os temas originais que encontramos neste EP de “Frozen: Uma Aventura de Olaf”.

 

Nesta nova curta-metragem regressam ao grande ecrã as célebres personagens de “Frozen: O Reino do Gelo”, incluindo o inesquecível boneco de neve Olaf, Elsa, Anna e Kristoff. Os premiados cineastas Stevie Wermers-Skelton e Kevin Deters afirmam que a música ajudou a moldar a história de formas inesperadas. “A música sempre foi um marco da Disney Animation, especialmente o mundo de ‘Frozen’”, disse Deters. “Por isso estamos muito entusiasmados em incluir quatro novas canções que nos ajudam a contar a nossa história”.

“Kate e Elyssa têm um excelente sentido de diversão e entusiasmo”, acrescentou Wermers-Skelton. “As canções captam na perfeição o espírito do Olaf e a sua demanda natalícia.”

As versões originais das canções desta banda sonora são “Ring the Season”, “The Battle of Flemmingrad”, “That Time of Year” e “When We’re Together”. O disco inclui ainda a música original de Beck para “Frozen: Uma Aventura de Olaf”, e temas bónus com versões instrumentais/karaoke de cada uma das novas canções.

Frozen: Uma Aventura de Olaf” será lançado em formato físico e digital, sendo que o CD já está disponível em regime de pré-venda.

publicado por olhar para o mundo às 09:13 | link do post | comentar
Quinta-feira, 12.10.17

Noel Gallagher’s High Flying Birds lança novo single: “Holy Mountain”

noel.png

 

 

Noel Gallagher’s High Flying Birds lança novo single: “Holy Mountain”

Tema faz parte do novo álbum, “Who Built the Moon?”, a ser editado a 24 de novembro

Depois de ter revelado fragmentos de canções e do trabalho artístico em torno do novo álbum,
Who Built the Moon?Noel Gallagher’s Flying Birds vira agora as atenções dos fãs para o lançamento de “Holy Mountain”, o primeiro single retirado do novo álbum, lançado hoje.

Gallagher afirma: “Foi uma das primeiras coisas que o David e eu fizemos na primeira semana em que trabalhámos juntos. Sabia imediatamente que seria o primeiro single. Existe tanta alegria nesta canção. Será, até ao dia em que morrer, uma das melhores músicas que já escrevi. Soa incrível ao vivo. Os meus filhos adoram-na, os filhos dos meus amigos adoram-na e aposta que ‘os miúdos’ também vão adorar.”

 

Holy Mountain” será também lançado em single de 12”, acompanhado de uma versão instrumental, exclusiva, do tema, enquanto no lado B encontra-se a canção “Dead in the Water (Live at RTÉ 2FM Studios, Dublin)”. “Dead in the Water” também será oferecida como um tema bónus do álbum e regista Gallagher e o teclista Mike Rowe em gravações numa estação de rádio de Dublin. Momentos como este estão destinados a não se repetirem, uma vez que Gallagher prometeu que não voltaria a gravar o tema de outra forma.

Who Bullt the Moon?”, o terceiro álbum de Noel Gallagher’s High Flying Birds, será lançado a 24 de novembro, tendo sido anunciados uma série de concertos no Reino Unido a partir de abril de 2018. O álbum está disponível em regime de pré-venda em www.noelgallagher.com

publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

ESTARREJAZZ - LINA NYBERG BAND

lina.jpg

 

 
SEX 13 OUT 21H30

MÚSICA

LINA NYBERG BAND

ESTARREJAZZ
 

 

 

AUDITÓRIO| 6€ | 4€ (CARTÃO AMIGO, CARTÃO SÉNIOR E JOVEM MUNICIPAL)


PASSE GERAL 22,5€ (ACESSO AOS CONCERTOS ESTARREJAZZ NO AUDITÓRIO E AFTER HOURS)


JAZZ| 75 MIN| M/6


Lina Nyberg nasceu em 1970 em Estocolmo e é uma das mais criativas e inovadoras cantoras de jazz da Suécia. Há cerca de 20 anos que vem a atrair a atenção consistente e generalizada, tendo sido premiada pela Sveriges Radio como “Artista Jazz do ano”. Com vasta experiência no ensino de jazz, atualmente leciona composição e improvisação na Escola Superior de Música de Estocolmo. Com 17 discos editados, a cantora nórdica, é um dos nomes internacionais desta edição do Estarrejazz.

 

 



Lina Nyberg voz, Cecilia Persson piano, David Stackenas guitarra,Josef Kallerdahl contrabaixo, Peter Danemo baterista                        


 [espetáculo promovido pelo Cine-Teatro de Estarreja]

publicado por olhar para o mundo às 21:13 | link do post | comentar
Quarta-feira, 11.10.17

Thirty Seconds to Mars anunciam digressão europeia para 2018

Thirty Seconds to Mars anunciam digressão europeia para 2018 

Banda atua em Lisboa, no Campo Pequeno, a 10 de abril 

Os multiplatinados Thirty Seconds to Mars acabam de anunciar que vão embarcar numa grande digressão europeia ao longo de março, abril e maio de 2018, digressão que vai passar por Lisboa a 10 de abril. Os bilhetes serão postos à venda em http://www.thirtysecondstomars.com/a 13 de outubro, às 9h00. Os packs VIP para esta digressão europeia ficarão disponíveis exclusivamente com Adventures in Wonderland. Visite www.adventuresinwonderland.compara informações adicionais.

A banda é considerada uma das mais entusiasmantes ao vivo, o que se refletiu na estreia ao vivo do single no início deste ano, com uma atuação arrebatadora nos MTV VMA Awards que foi mostrada através de tecnologia inovadora de infravermelhos e com a presença de Travis Scott como convidado especial. Os Thirty Seconds to Mars interpretaram “Walk On Water”, que é o primeiro single do quinto álbum de estúdio da banda. O grupo foi ainda nomeado na categoria de Melhor Artista Alternativo nos MTV European Music Awards, que serão entregues a 12 de novembro.

 

Em breve, os Thirty Seconds to Mars vão revelar mais informações sobre a produção desta digressão europeia.

Os Thirty Seconds to Mars são formados por Jared Leto, Shannon Leto e Tomo Milicevic e já venderam 15 milhões de álbuns em todo o mundo, além de terem esgotados concertos em estádios globalmente. Já receberam vários prémios e distinções ao longo da sua carreira, incluindo uma dezena de MTV Awards, um Billboard Music Award e bateram o recorde do Guinness pela mais longa digressão na história. A 4 de julho a banda rodou um documentário intitulado “A Day in the Life of America”, incluindo mais de 90 equipas em todos os 50 estados (e em Washington DC e Porto Rico), sendo que o projeto capta um dia na vida dos EUA.“A Day in the Life of America” será lançado em 2018. Os Thirty Seconds to Mars encontram-se atualmente a trabalhar no seu muito aguardado quinto álbum de estúdio, a ser editado em 2018.

publicado por olhar para o mundo às 22:13 | link do post | comentar

STU LARSEN APRESENTA "RESOLUTE" COM ESPECTÁCULOS NO PORTO E LISBOA

stu larsen.png

 

 
STU LARSEN APRESENTA "RESOLUTE"
COM ESPECTÁCULOS NO PORTO E LISBOA
 

Australiano Stu Larsen anuncia novo álbum e digressão europeia com passagem confirmada em Portugal.

 

O cantautor australiano Stu Larsen regressa com álbum "Resolute", que sucede ao álbum de estreia "Vagabond" e a diversas digressões mundiais com outro cantador inglês Passenger. Stu Larsen gravou "Resolute" com mensagens de voz improvisadas no seu telemóvel, arquitetando um quadro primitivo para as canções. 


À medida que Stu Larsen ia passando através de centenas de arquivos, ele manteve-se afastado em locais diferentes para escrever as suas demos, nomeadamente numa casa na Escócia, num apartamento em Espanha e por fim num bunker do exército na Austrália.


O seu amigo de longa data e produtor / compositor Luke Thompson acabou por se juntar a ele no Estúdio de Mike Rosenberg's, mais conhecido como Passenge,r em Brighton na Inglaterra para terminar as suas demos.


Com as ideias solidificadas, Stu Larsen nunca imaginou o que lhe esperava, aquando numa escala aérea na aIndonésia para assistir a um casamento, antes mesmo da gravação formal do álbum que teve lugar na Austrália... "O meu apêndice arrebentou ", Stu Larsen suspira e continua: "eu tive que ser submetido a uma cirurgia e não podia voar. O período de recuperação levou cerca de dez dias, mas Luke conhecia as canções tão bem que foi capaz de iniciar a gravação sem mim, felizmente. Embora, eu não estivesse lá durante as duas primeiras semanas, foi incrível poder entrar em estúdio e trabalhar no que ele já tinha feito".


Já recuperado, termina as dez músicas do novo álbum. Stu Larsen visualizou "Resolute" com uma demo áspera de "By The River" que rapidamente ganhou meio milhão de streams no Spotify. "By The River" é uma carta de amor arejada a um rio da Nova Zelândia. 


A canção culmina em um solo forte e selvagem que, como ele descreve, "é o som da frustração que está sendo trabalhado através da minha guitarra." 


"Resolute" já está disponível pela Nettwerk Records e anuncia a digressão pela Europa que passará pelas cidades do Porto e Lisboa, a 29 e 31 de Outubro respectivamente. Contará com a primeira parte feita pelo também australiano Tim Hart e o português Cristóvam que recentemente teve "Walk in the Rain" na banda sonora do re-make do fime "Canção de Lisboa"

 

 

 
BILHETES

À VENDA 

29 de outubro | Hard Club - Porto
Plateia Sentado 10 €

31 de Outubro | Teatro Turim - Lisboa
Plateia Sentado 10 €

publicado por olhar para o mundo às 10:13 | link do post | comentar

Niall Horan apresenta álbum de estreia, “Flicker”, no Coliseu de Lisboa

Niall Horan apresenta álbum de estreia, “Flicker”, no Coliseu de Lisboa

“Flicker” chega às lojas a 20 de outubro

A poucos dias de ser lançado o primeiro álbum a solo de Niall Horan, “Flicker”, é anunciado que o cantor vai apresentar as suas novas canções no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, a 12 de maio de 2018. Julia Michaels é a convidada especial e ficará a cargo da primeira parte. Os bilhetes são postos à venda no dia 13 de outubro.

O concerto servirá para apresentar o álbum “Flicker”, que é editado já no próximo dia 20 de outubro. Do disco já são conhecidas as canções “This Town”, “Slow Hands” (que conta com mais de 820 milhões de streams em todo o mundo), sendo que ambas atingiram o Galardão de Platina nos EUA, Canadá, Austrália, Nova Zelândia e Holanda, e o mais recente single “Too Much To Ask”, cujo vídeo, realizado por Malia James (Troye Sivan, Halsey) e produzido por Tom Birmingham e Targa Sahyoun, já soma mais de 8,9 milhões de visualizações.

Neste primeiro disco, Niall Horan conta com a colaboração da promissora cantora country Maren Morris, no tema “Seeing Blind”.

 

Niall tem vindo a apresentar, um pouco por todo o mundo, e em primeira mão, canções do seu primeiro álbum a solo em salas intimistas, no âmbito da digressão “Flicker Sessions 2017”.

O concerto que deu em Londres, no Shepherd’s Bush Empire, foi muito aplaudido pela crítica, tendo sido elogiado por publicações como The Guardian, Line of Best Fit, Metro e Daily Telegraph.

A “Flicker World Tour” de Niall, da qual faz parte o concerto de Lisboa, arranca a 12 de março em Dublin, cidade natal do músico, e termina só no final de setembro, já nos Estados Unidos.

Niall Horan já vendeu mais de 70 milhões de discos como membro dos One Direction. Durante este ano, o cantor já recebeu vários prémios, incluindo People’s Choice, Teen Choice, Radio Disney Music e iHeartRadio MMVA Awards.

publicado por olhar para o mundo às 09:13 | link do post | comentar
Terça-feira, 10.10.17

The Rolling Stones

stones.png

 

The Rolling Stones

Gravações raras feitas para a BBC, lançadas na coletânea "On Air" 

A 1 de dezembro de 2017 será lançada “The Rolling Stones - On Air”, uma coletânea de gravações de rádio raramente ouvidas dos anos formativos dos Rolling Stones. As músicas, incluindo oito que a banda nunca gravou ou lançou comercialmente, foram originalmente transmitidas em programas da BBC no Reino Unido, como Saturday Club, Top Gear, Rhythm and Blues e The Joe Loss Pop Show, entre 1963 e 1965.

Lançado em CD, duplo CD deluxe e em vinil colorido especial de edição limitada, estes temas oferecem uma visão da banda como uma força ao vivo constantemente surpreendente. Tal foi a frequência com que visitaram os estúdios da BBC nos anos 60 que o grupo constantemente se propôs a oferecer aos ouvintes algo diferente. Além das músicas que nunca apareceram em singles ou álbuns, existem sete faixas que foram estreadas na rádio antes de serem apresentadas em álbuns ou EPs.

Entre as 32 faixas está “Come On”, o single de estreia do grupo e também o primeiro tema a passar no icónico Saturday Club, apresentado pelo lendário Brian Matthew. “Come On” é agora lançado como a primeira faixa da coletânea e está disponível nos serviços digitais e de streaming. Outros destaques incluem "Fannie Mae" (originalmente gravada pelo bluesman Buster Brown, em 1959), “Hi Heel Sneakers”, de Tommy Tucker, e “Cops And Robbers”, de Bo Diddley.

Se o disco do ano passado, “Blue & Lonesome", apresentou os Stones regressando às suas raízes depois de mais de 50 anos, “On Air” é o compêndio perfeito deste álbum, um tesouro cuidadosamente restaurado que coloca o ouvinte no início deste percurso avassalador.

Para ajudar a recuperar o espírito das músicas de quando foram interpretadas pela primeira vez, as fitas de gravação passaram por um processo chamado "separação de fonte de áudio", permitindo que os engenheiros de som dos estúdios de Abbey Road tivessem acesso, em faixas diferentes, à instrumentação original e às vozes, para que os temas pudessem ser reconstruídos, reequilibrados e remisturados, para obter um som mais completo e substancial. 

“The Rolling Stones - On Air” dá-nos uma visão única dos dias formativos dos The Rolling Stones, anos antes do título de “A Maior Banda de Rock’n’Roll do Mundo” se tornar uma realidade.

publicado por olhar para o mundo às 23:13 | link do post | comentar

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

First Class Radio 

posts recentes

últ. comentários

  • Minha esposa dorme durante a relacao eu viro chego...
  • Minha esposa as vezes dorme , aí eu paro viro de l...
  • hmmm fixe! Será uma daquelas edições para colecion...
  • Interessante
  • gosto do suave tom da sua voz :)
  • Vou procurar para ouvir =)Beijinhos
  • Neste Natal só te desejo duas coisas: TUDO e NADA!...
  • Recomendadíssimo!!Para quem não conhece a sonorida...
  • Great article!

arquivos

tags

favoritos

subscrever feeds



blogs SAPO