Quinta-feira, 04.02.16

Yokohama Café Lança Primeira Faixa: “Asfalto”

Yokohama Cafe foto por Osvaldo Vanguarda 2.jpg

 

 

Yokohama Café Lança Primeira Faixa: “Asfalto”
Super banda irá lançar faixas mensalmente em formato single

 

Como num encontro de amigos para uma troca de papo, nasce o Yokohama Café. O projeto reúne vários nomes da cena curitibana, liderados pelo experiente Allan Yokohama, que já tocou com Poléxia, Terminal Guadalupe, Narciso Nada, Humanish e Rapha Moraes. Cada faixa será arranjada por uma banda totalmente diferente e lançada mensalmente para audição e download gratuito.

A primeira amostra se chama “Asfalto”. Foi composta e cantada por Rodrigo Medeiros (ex-Narciso Nada) e fala de um relacionamento amoroso e a sensação semelhante a uma viagem por uma estrada perigosa. Além de Rodrigo, outro ex-Narciso que participa é o baixista Be Müller, que traz melodias tortas para compor o grave da faixa.

Gustav Schirmer, dono do Schirmer Studio, assina a guitarra, sintetizador, violino, bateria, piano e a produção ao lado de Allan, o único membro fixo desta banda mutante, que toca violão, reforça os vocais e compôs a melodia e a harmonia da canção.

Este é o primeiro lançamento da banda, que até o fim de 2016, promete mostrar 12 faixas inéditas, sempre na segunda metade de cada mês e sem nenhum rótulo predefinido. Há faixas de vários ritmos, feitas por músicos de estilos diferentes, que ajudam a definir bem a mudança, pluralidade e crescimento do cenário curitibano nos últimos 15 anos.

 

 

publicado por olhar para o mundo às 09:13 | link do post | comentar
Quarta-feira, 07.05.14

Fatboy Slim NOVO DISCO UNE FUTEBOL E BRASIL

Fatboy Slim  NOVO DISCO UNE FUTEBOL E BRASIL

 

Fatboy Slim

NOVO DISCO UNE FUTEBOL E BRASIL

"Fatboy Slim presents Bem Brasil"
chega às lojas a 26 de maio


"Fatboy Slim presents Bem Brasil", a editar a 26 de maio, é o disco que o músico e produtor britânico quis fazer em 2014, ano de Campeonato do Mundo de futebol no Brasil.

"Dado o meu amor pela música brasileira, festas e futebol, não é nenhuma surpresa que, com o Campeonato do Mundo a acontecer este ano no Brasil, eu queira compartilhar esse amor com uma banda sonora para o verão assente na música brasileira" , diz Fatboy Slim, que se descreve como um embaixador não oficial da maior competição futebolística.

A compilação junta canções inspiradas por samples de música brasileira, de artistas como Jorge Ben ou Sérgio Mendes, mas Fatboy Slim também convocou alguns produtores para remisturar temas já conhecidos: DJ Fresh, Gregor Salto, Psychemagik, Eats Everything, Dimitri Vegas & Like Mike, Claude Von Stroke e Joey Negro são alguns dos convidados especiais desta verdadeira banda sonora para o verão.

"Fatboy Slim presents Bem Brasil" reforça a ligação do produtor com o futebol: em 2002, por exemplo, no Campeonato do Mundo no Japão e na Coreia do Sul, Fatboy Slim deu concertos nas cidades onde a seleção inglesa jogou. Era aí que os adeptos ingleses se juntavam garantindo também a presença do artista nos estádios para seguir os jogos do seu país. A ideia resultou e foi repetida em competições seguintes.

Este ano, com o mundial a decorrer no Brasil, país onde Fatboy Slim é adorado, a ideia foi mais longe. "Fatboy Slim presents Bem Brasil" é o resultado mais evidente.

www.bembrasilmusic.com
www.facebook.com/fatboyslim
www.twitter.com/FatboySlim

 

 

publicado por olhar para o mundo às 19:37 | link do post | comentar
Terça-feira, 19.11.13

Cristiano Ronaldo coloca Portugal Mundial

Cristiano Ronaldo

 

Pela sexta vez no seu historial, a selecção portuguesa qualificou-se para a fase final do Mundial de futebol, após ter nesta terça-feira derrotado a Suécia por 3-2 em Estocolmo, no jogo da segunda mão do playoff de apuramento, depois do triunfo por 1-0 em Lisboa.

 

Tal como acontecera no jogo na Luz, foi Cristiano Ronaldo a decidir para a selecção portuguesa. Foi o avançado do Real Madrid os três golos portugueses e a confirmar a presença da selecção no Mundial que se realiza no próximo ano no Brasil.

 

Tudo parecia estar encaminhado para um resto de jogo sem sobressaltos quando Ronaldo fez o 1-0 aos 50’, numa jogada de contra-ataque. A Suécia precisava de marcar três golos para anular a desvantagem e Zlatan Ibrahimovic, a sua principal arma ofensiva, parecia desinspirado.

 

O avançado do PSG complicou as contas portuguesas ao marcar dois golos em três minutos. Primeiro, aos 68’, cabeceou sozinho na área portuguesa e fez o empate. Depois, aos 71’, colocou os suecos na frente com um livre directo.

 

Mas a resposta de Ronaldo foi a melhor possível. Aos 77’, Ronaldo fez o empate em mais uma jogada de contra-ataque e, aos 79’, acaba, em definitivo com a eliminatória, ao fazer o 3-2 numa jogada semelhante.

 

Foi o segundo hat-trick de Ronaldo ao serviço da selecção, ele que já tinha marcado três golos frente à Irlanda do Norte e, com esta proeza, o madeirense igualou Pauleta na lista dos melhores marcadores da história da selecção, passando a somar 47 golos em 109 internacionalizações.

 

Retirado do Público

publicado por olhar para o mundo às 21:55 | link do post | comentar
Segunda-feira, 11.02.13

O Carnaval começou na Grécia

O Carnaval começou na GréciaO Carnaval começou na Grécia

Carnaval teve a sua origem na Grécia, onde actualmente e para mal dos gregos o Carnaval hoje é outro.

 

Eram festas de agradecimento aos deuses pela fertilidade dos solos e um pedido de benção para a produtividade das terras uma vez que a Primavera se aproximava. Isto nos anos 600 a 580 a.c..

 

A partir de 590 d.c. a Igreja Católica decidiu adoptar estas festas regidas pelo ano lunar no cristianismo. 

Antecedendo o período de abstinência marcado pela Quaresma, carnaval era marcado pelo "adeus à carne" ou do latim "carne vale" dando origem ao termo "carnaval". 


Mas como essa abstinência também dizia respeito aos prazeres da carne, esse longo período de privações acabaria por incentivar a reunião de diversas festividades nos dias que antecediam a Quarta-feira de Cinzas, o primeiro dia da Quaresma. 


A palavra "carnaval" está, desse modo, relacionada com a ideia de deleite dos prazeres da carne marcado pela expressão "carnis valles", sendo que "carnis" em latim significa carne e "valles" significa prazeres. 

Duas explicações linguísticas perfeitamente plausiveis para a origem da palvra e muito humanas para a origem dos festejos, sobretudo numa Idade Média dominada por uma Igreja Católica intransigente e aterrorizadora.


Os festejos desses dias eram de origem popular e cada cidade brincava a seu modo, de acordo com seus costumes. 


Do costume grego de agradecer aos deuses passou-se para o carnaval moderno, feito de desfiles e fantasias, afinal um produto da sociedade vitoriana do século XIX, sendo Paris o modelo exportador da festa carnavalesca para o mundo. 

Cidades como Nice, Nova Orleans, Toronto e Rio de Janeiro vieram a inspirar-se no carnaval parisiense para criara as suas próprias  versões de Carnaval.

No Rio de Janeiro em virtude do ritmo que quase faz viver o próprio país, o samba, todos os festejos são acompanhados com o desfile de escolas de samba, que organizam a festa com 365 dias de antecedência.

 

Retirado do HardMúsica

publicado por olhar para o mundo às 08:37 | link do post | comentar | ver comentários (2)
Domingo, 16.12.12

Dilma Rousseff decide em breve se adia plena aplicação do Acordo Ortográfico

Dilma Rousseff decide em breve se adia plena aplicação do Acordo Ortográfico

Notícia do adiamento chegou a ser dada como certa há dez dias, mas enquanto decreto presidencial não for publicado nada está decidido.

 

A Presidente do Brasil Dilma Rousseff é quem terá a palavra final. No seu gabinete, está um decreto preparado por responsáveis do seu Governo para adiar a plena aplicação do Acordo Ortográfico (AO), que apenas aguarda aprovação presidencial

 

Inicialmente, no Brasil, a data para a plena aplicação do acordo era 1 de Janeiro de 2013. A data agora mais badalada e que apenas aguarda decisão presidencial é 1 de Janeiro de 2016, a mesma para a entrada em vigor total do AO decidida em Portugal.

 

Ao longo da última semana várias foram as vozes que deram como certo um adiamento. Será para esse cenário que aponta o consenso. Mas nem todos os sectores têm os mesmos interesses. De um lado, estariam editores e orgãos de comunicação social que já adoptaram as novas regras, a pressionar para uma entrada em vigor obrigatória já em 2013. Do outro, os mais cépticos tenderiam para o adiamento e mesmo uma revisão do acordo. Chegou a haver uma proposta para se adiar a entrada em vigor obrigatória para 1 de Janeiro de 2019. E há senadores que defendem mesmo a revisão do acordo.

 

Janeiro de 2016 terá sido a data de meio-termo ou de compromisso encontrado para aproximar as posições mais extremas. O PÚBLICO sabe que representantes da Casa Civil da Presidência e dos ministérios da Cultura, Educação e Relações Exteriores tentaram, numa reunião realizada a 28 de Novembro, definir uma posição comum e da qual apenas resultou um “consenso possível”. 

 

Dúvidas de professores, pedidos de revisão


A proposta de prorrogação foi avançada depois das dúvidas levantadas por professores e opositores do AO que pediram um  prolongamento do período de convivência entre a ortografia em vigor e a estabelecida no acordo por considerarem que não houve tempo suficiente de adaptação.

 

Para a senadora Ana Amélia, da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, autora da proposta de adiamento, “o prazo de adaptação foi curto”. “A senadora justifica ainda o pedido para prorrogar o período para a obrigatoriedade do acordo com a necessidade de “uma integração mais ampla com os outros países envolvidos” que adoptaram períodos de transição mais longos, lê-se no portal de notícias do Senado.

 

Além do adiamento, o senador Cyro Miranda, membro das comissões de Educação e Relações Exteriores, prevê a sua inevitável revisão. Em declarações à Lusa, na semana passada, considerou o acordo ortográfico “muito confuso” e disse estar convencido de que "tanto Portugal como o Brasil" iriam pedir para que ele fosse "revisto". 

 

Apesar da reticências manifestadas pelos mais cépticos, a entrada em vigor avança. O jornal O Globo noticiava em Fevereiro que o Ministério da Educação, responsável por encaminhar livros didácticos para 99% das escolas públicas de todo país, procedeu à actualização dos manuais por fases e em 2012 a substituição terá ficado completa.

 

Dos oito países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), só Angola ainda não ratificou o acordo. Moçambique fê-lo em Junho deste ano, antes assumir a presidência da CPLP.

 

Noticia do Público

publicado por olhar para o mundo às 20:48 | link do post | comentar
Sábado, 24.11.12

Portugal, Brasil e Moçambique na final do BESphoto 2013

Portugal, Brasil e Moçambique na final do BESphoto 2013

Os artistas Albano da Silva Pereira (Portugal), Filipe Branquinho (Moçambique), Pedro Motta e Sofia Borges (Brasil) são os quatro finalistas do Prémio BESphoto 2013, anunciou hoje a organização.

 

Esta 9ª edição do prémio, que mantém um valor monetário de 40 mil euros, o mais elevado na área da fotografia em Portugal, continua o alargamento da nacionalidade dos artistas ao universo lusófono: portuguesa, brasileira e dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP).

 

O prémio foi criado pelo Banco Espírito Santo (BES) em 2004 e é realizado em parceria com o Museu Berardo e o Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo, no Brasil.

 

Os artistas foram seleccionados com base numa exposição de obras de suporte fotográfico e/ou a edição de uma publicação durante o período anterior à data de reunião do júri de selecção.

 

Este júri foi composto por Agnaldo Farias, professor, crítico, curador e consultor do Instituto Tomie Ohtake (Brasil), Delfim Sardo, curador, crítico de arte e professor (Portugal), e Bisi Silva, curadora e fundadora/directora do Centro de Arte Contemporânea de Lagos (Nigéria).

 

Tal como nas edições anteriores, os artistas seleccionados apresentarão os seus trabalhos no Museu Colecção Berardo numa primeira exposição, com inauguração prevista para 17 de Abril de 2013, e que seguirá depois para o Instituto Tomie Ohtake, onde será apresentada entre Junho e Agosto desse ano.

 

Sobre a escolha de Albano da Silva Pereira (Portugal), o júri destacou a forma como “o trabalho fotográfico se situa na tradição da fotografia de viagem, construindo um olhar sensível à construção de um mundo de referência próprias, com enorme respeito pelo outro".

 

Albano Silva Pereira foi seleccionado pela exposição "Passion", na Galeria Graça Brandão, que decorreu em Lisboa durante o mês de Dezembro de 2011.

 

Filipe Branquinho (Moçambique) foi escolhido pela "prática fotográfica e como incide na forma como o espaço funciona enquanto ‘contentor’ de elementos díspares que se aglutinam", segundo o júri.

 

Filipe Branquinho foi seleccionado pela exposição "Ocupações temporárias 20.11", realizada em Maputo durante o mês de Setembro de 2011.

 

Para o júri, o trabalho de Pedro Motta (Brasil) “revela um olhar agudo sobre as incoerências da realidade brasileira, sobretudo no que se refere ao avassalador processo de urbanização, destruindo a natureza ou substituindo-a a situações centradas entre a violência e o absurdo, frequentemente misturando ambas".

 

Pedro Motta foi seleccionado pela exposição "Campo Fértil" na Galeria Luísa Strina, durante o mês de Junho de 2012.

 

Sobre Sofia Borges (Brasil), o júri sublinhou o trabalho da fotógrafa como "produtora de enigmas. As suas imagens intrigam pelos motivos e situações apresentadas, ou pela junção de imagens completamente díspares entre si, produzindo sintaxes insólitas".

 

Sofia Borges foi seleccionada pela exposição na 30ª edição da Bienal de São Paulo, que está a decorrer desde Setembro último até ao dia 09 de Dezembro de 2012.

 

Os artistas vão receber uma bolsa de produção para a realização da exposição BES photo e um júri internacional com nacionalidade distinta das representadas pelos artistas seleccionados elegerá o vencedor.

 

O Prémio BESphoto já galardoou Helena Almeida, José Luís Neto, Daniel Blaufuks, Miguel Soares, Edgar Martins, Filipa César, Manuela Marques e Mauro Pinto.

 

Noticia do Sol

publicado por olhar para o mundo às 10:37 | link do post | comentar
Sexta-feira, 23.11.12

Mano Menezes afastado da selecção brasileira de futebol

Mano Menezes afastado da selecção brasileira de futebol
Mano Menezes foi esta sexta-feira demitido do cargo de técnico da selecção brasileira. Além do treinador, toda a comissão técnica foi afastada, confirmou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) num comunicado divulgado esta tarde no seu site. O próximo nome só deverá ser anunciado em Janeiro, mas Luiz Felipe Scolari está entre os favoritos.

A decisão foi tomada depois de uma reunião em São Paulo, onde estiveram reunidos o presidente da CBF, José Maria Marin, o vice-presidente Marco Polo del Nero e o director de Selecções, André Sanches, escreve o portal de desporto da Globo.

 

Mano Menezes teve conhecimento da decisão logo após a reunião, mas ainda não se pronunciou sobre o sucedido.

 

Entre os nomes favoritos para ocupar o lugar agora vago estão Tite (do Corinthians), Muricy Ramalho (Santos) e Luiz Felipe Scolari.

 

No comando da selecção brasileira desde Agosto de 2010, Mano deixa o cargo apenas com as taças do Superclássico das Américas de 2011 e de 2012, com os fracassos na ‘Copa América’ e nos Jogos Olímpicos e com a queda histórica no ranking mensal da Fifa. Em Outubro, e sob a liderança de Mano Menezes, o Brasil caiu para sua pior posição na história do ranking da Fifa, 14º lugar. Actualmente, a selecção que é pentacampeã do mundo ocupa o 13º lugar.

 

Noticia do SOL

publicado por olhar para o mundo às 20:34 | link do post | comentar
Domingo, 30.09.12

Jovens leiloam virgindade para protagonizar documentário

Jovens leiloam virgindade para protagonizar documentário

O Brasil nunca foi conhecido por ter 'tabus' sexuais, mas ainda assim o caso está a chocar o país. Uma jovem brasileira de 20 anos e um rapaz russo de 21 aceitaram leiloar a sua virgindade para participarem num filme de uma produtora australiana. As licitações já chegaram aos 155 mil dólares (cerca de 102 mil euros).

 

Catarina Migliorini é uma estudante brasileira residente na Austrália. Tem 20 anos, mas já está no projecto do documentário ‘Virgins Wanted’ há dois. Com o dinheiro da «experiência» quer ajudar instituições de caridade e estudar medicina na Argentina.

 

O documentário, pensado por um jovem realizador australiano, pretende acompanhar o dia-a-dia dos dois jovens, antes e depois de perderem a virgindade, passando por todo o processo do leilão.

 

«Eles filmam o meu dia-a-dia, os meus novos amigos aqui, as conversas com a minha mãe, as minhas reacções», explicou Catarina ao site brasileiro G1, referindo-se à experiência do primeiro mês de filmagens em Bali, Indonésia.

 

Desde que o estranho leilão arrancou, Catarina conseguiu, até ontem, propostas de 13 candidatos espalhados um pouco por todo o mundo, num valor que ultrapassa os 100 mil euros.

 

Já Alexandre Stepanov, o jovem russo de 21 anos também escolhido para integrar o ‘Virgins Wanted’, reúne até agora apenas 5 candidatos, entre homens e mulheres, sendo que a licitação mais alta até ontem era de cerca de 900 euros.

 

Ao jornal brasileiro Folha de São Paulo, Catarina disse que conta com o apoio da família, especialmente da mãe, e defende-se dizendo que é «maior de idade, e responsável pelos [seus] actos».

 

A jovem brasileira esclareceu ainda que o dia D deverá acontecer dez dias depois do fim do leilão, que termina no próximo dia 15, e o acto será consumado num avião, algures entre a Austrália e os EUA, para evitar problemas legais. Problemas que, de resto, já começam a bater à porta do realizador.

 

Noticia do Sol

publicado por olhar para o mundo às 13:02 | link do post | comentar
Terça-feira, 31.07.12

Três “dragões” convocados para particular frente à Suécia

Três “dragões” convocados para particular frente à Suécia

Hulk, Alex Sandro e Danilo foram chamados por Mano Menezes para o jogo particular com a Suécia, em 15 de Agosto, em Estocolmo, quatro dias depois da Supertaça.


Os três jogadores portistas poderão ser utilizados pelo FC Porto no confronto com a Académica de Coimbra, a 11 de Agosto, no Estádio Municipal de Aveiro, sendo dispensados após a Supertaça para se juntarem aos companheiros na Suécia.

A selecção brasileira foi anunciada nesta segunda-feira pelo técnico Mano Menezes, que decidiu adicionar seis jogadores ao mesmo colectivo que se encontra a competir nos Jogos Olímpicos de Londres, à excepção do defesa Marcelo, do Real Madrid.

Além dos 17 olímpicos, a lista de eleitos inclui os defesas Dedé (Vasco da Gama), David Luiz (Chelsea) e Dani Alves (Barcelona) e os médios Jonas (Valência), Ramires (Chelsea) e Paulinho (Corinthians).

“Estamos numa competição e é importante que não intervenhamos nesse processo”, disse Menezes, citado em comunicado da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), em justificação pela manutenção da equipa olímpica para o particular com a Suécia.

Menezes acrescentou que decidiu incluir outros jogadores que “actuaram bem nos seus clubes e que formam parte do grupo com vista à Taça das Confederações de 2013 e o Mundial do Brasil de 2014”.

O seleccionador referiu que os prazos exigidos pela FIFA o obrigaram a divulgar os convocados para a Suécia em plena campanha da equipa brasileira nos Jogos Olímpicos, em que o Brasil soma duas vitórias (Egipto, por 3-2, e Bielorrússia, por 3-1).

O particular com a Suécia disputar-se-á no Estádio Rasunda, na Suécia, antes da demolição desta infra-estrutura. O jogo recorda o primeiro Campeonato do Mundo conquistado pelo Brasil no Estádio Rasunda, em 1958. Pelé e outros futebolistas que jogaram esse Mundial estarão presentes a 15 de Agosto.

Lista de convocados do Brasil
Guarda-redes: Renan Ribeiro (Atlético Mineiro), Neto (Fiorentina) e Gabriel (Milan).
Defesas: David Luiz (Chelsea), Danilo (FC Porto), Daniel Alves (Barcelona), Rafael (Manchester United), Alex Sandro (FC Porto), Thiago Silva (Paris Saint-Germain), Juan (Inter), Bruno Uvini (São Paulo) e Dedé (Vasco da Gama).
Médios: Sandro (Tottenham), Rómulo (Spartak de Moscovo), Paulo Henrique Ganso (Santos), Óscar (Chelsea), Lucas (São Paulo), Ramires (Chelsea) e Paulinho (Corinthians).
Avançados: Neymar (Santos), Alexandre Pato (Milan), Hulk (FC Porto), Leandro Damião (Internacional Porto Alegre) e Jonas (Valência).


Noticia do Público

publicado por olhar para o mundo às 08:39 | link do post | comentar
Domingo, 22.07.12

Erasmus para gente adulta

Erasmus para gente adulta
Ney Matogrosso actua em Lisboa, em Setembro.

 

No fim do Verão o Brasil vem para Portugal e Portugal vai para o Brasil: são 10 meses de intercâmbio cultural e económico

 

Teatro, música, artes plásticas, literatura. A cultura brasileira vai chegar em força a Portugal – a partir de 7 de Setembro (dia da Independência do Brasil) começa o Ano do Brasil em Portugal que, até 10 de Junho (Dia de Portugal), tem como objectivo mostrar entre nós o que de melhor se faz na área da cultura no Brasil, numa festa que arranca com um concerto de Ney Matogrosso e Monobloco, no Terreiro do Paço, a 22 de Setembro.

 

Mas esta é uma iniciativa recíproca. Ao mesmo tempo que o Brasil mostra entre nós o que de melhor há no país, exactamente nas mesmas datas Portugal vai ao Brasil exibir a sua contemporaneidade, no âmbito do Ano de Portugal no Brasil. Para tal, vão atravessar o Atlântico diversos artistas portugueses. A programação ainda não está fechada mas Vasco Araújo, Rui Chafes, Mariza, Joana Vasconcelos e Fernando_Brízio são alguns dos nomes que já têm bilhete de ida (haverá, também uma grande exposição do trabalho de Maria Helena Vieira da Silva).

 

Se o Brasil concentrou os seus esforços numa intensa programação cultural, acreditando que é através das artes que os povos melhor se conhecem e aproximam, Portugal optou por se focar mais na área económica. A ideia, explicou o comissário-geral da iniciativa, Miguel Horta e Costa, aos jornalistas, é levar as pequenas e médias empresas portuguesas a este novo território, fomentando as exportações para o país irmão. Serão também focos de actuação portuguesa, a par da economia e da cultura, a ciência, a tecnologia e inovação e o desporto. Tudo isto financiado por empresas ligadas ao projecto.

 

Brasil em Portugal


Este ano representa então uma boa oportunidade para o público português conhecer o que se faz no Brasil, muito além das telenovelas da Globo e das canções fáceis e orelhudas de Michel Teló. Quem o disse foi o próprio António Grassi, comissário-geral do Ano do Brasil em Portugal.

 

«Precisamos levar para o outro lado do oceano o Brasil que não é só o das novelas (...). A importância do evento, principalmente no âmbito cultural, está no facto de que a troca de olhares na produção artística extrapola o palpável e colabora com sectores como o turismo. Queremos fazer uma programação que deixe um legado, revelando um Brasil desconhecido, a diversidade artística e cultural do nosso país». E acrescentou: «A cultura é uma arma poderosa para enfrentar épocas de crise».

 

Ao longo destes dez meses vamos poder assistir a 16 peças de teatro no palco do Teatro Nacional D. Maria II, com interpretações de actrizes como Marília Pêra, Bibi Ferreira e Bárbara Paz, dezenas de concertos de nomes como Martinho da Vila, Naná Vasconcelos, Zeca Baleiro, Zélia Duncan, Adriana Calcanhotto e Tulipa Ruiz, ver exposições retrospectivas de artistas como Hélio Oiticica, um dos mais importantes artistas plásticos brasileiros do século XX, ou dos contemporâneos Maurício Dias & Walter Riedweg. Um luxo em época de crise.

 

Noticia do Sol

publicado por olhar para o mundo às 10:29 | link do post | comentar

mais sobre mim

pesquisar neste blog

 

First Class Radio 

posts recentes

últ. comentários

Posts mais comentados

arquivos

tags

favoritos

subscrever feeds



blogs SAPO