Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

13
Jan13

Ruben Faria está no Segundo lugar no Dakar 2013

olhar para o mundo

Ruben Faria está no Segundo lugar no Dakar 2013

Piloto português beneficia da penalização de 15 minutos aplica a Cyril Despres.

O português Ruben Faria (KTM) subiu ao segundo lugar da classificação geral de motos do Rali Dakar 2013, após a penalização de 15 minutos ao seu “chefe de fila” Cyril Despres, devido à troca de motor durante a sétima etapa.

 

Neste domingo, dia em que se cumpre descanso na caravana da prova rainha do todo-o-terreno, Faria subiu um lugar na classificação geral, beneficiando da descida do seu companheiro de equipa, que caiu para quinto da geral, a 24m26s do líder, o francês David Casteu (Yamaha).

 

Segundo a classificação publicada no sítio oficial da prova, Faria está agora a 11m16s de Casteu, depois de a organização ter penalizado Despres, o grande favorito à vitória em motos no Dakar, por ter trocado de motor durante a sétima etapa, considerada a “maratona”.

 

Este penalização já tinha sido tornada pública no sábado, e a classificação oficial na página do Dakar até já tinha colocado Faria no segundo lugar da geral. Mas, depois, a informação foi corrigida e os 15 minutos de castigo a Despres desapareceram. Os comissários confirmaram agora a penalização.

 

A oitava etapa do Dakar, disputada sábado, foi encurtada para as motos para uma especial de apenas 150 quilómetros cronometrados, em vez dos 491 previstos.

 

O piloto francês Guerlain Chicherit (SMG) foi o vencedor da oitava etapa do Dakar na categoria de automóveis, segundo deliberação dos comissários e depois dos problemas causados pela chuva, que só deixaram quatro carros terminar.

 

Chicherit terminou com 4m02s de vantagem sobre o argentino Orlando Terranova (BMW), segundo, 5m17s face ao norte-americano Robby Gordon (Hummer), terceiro, e 12m15s em relação ao francês Stéphane Peterhansel (Mini), quarto.

 

Seguindo o regulamento, e tendo em conta que apenas quatro carros completaram os 183 quilómetros da tirada, os comissários decidiram atribuir a todos os restantes concorrentes o mesmo tempo de Peterhansel, o líder da geral, que gastou 2h07m21s.

 

Retirado do Público

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub