Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

10
Jan16

Companhia da esquina - Diz que me amas! Um estado de urgência

olhar para o mundo

Diz que me amas.jpg

 

 

Encontros, desencontros, amores, paixões, enganos e traições são os motivos que ligam 9 personagens em DIZ QUE ME AMAS !UM ESTADO DE URGÊNCIA.

 

9 Personagens que raramente dizem o que pensam, porque é mais simples lidar com a mentira piedosa do que ser direto e honesto. Preferem verbalizar desculpas e construir discursos mais ou menos complexos para esconder ou escamotear o que verdadeiramente pensam. Mas isso nem sempre dá certo.


Esta peça não pretende, ao contrário de muitas outras, fazer juízos de valor sobre o comportamento humano, mas apenas falar dele.


Autoria e Encenação: Durval Lucena
Durval Lucena é actor, encenador e escritor de textos para teatro, televisão e cinema. Director de actores em séries e novelas da TVI, SIC e Coral Europa.

Formador de atores no Pequeno Palco de Lisboa. Diretor da Companhia de Teatro Sénior 3º Ato, promovida pelo Programa de Envelhecimento Ativo e Saudável da Câmara Municipal De Lisboa.

Ficha técnica e artística:
Autor – Durval Lucena
Encenação – Durval Lucena
Cenografia – Ana Rita Silva
Desenho de Imagem e Grafismo – Mariana Lucena e Nuno Fideles
Figurinos – Trapos & Companhia
Desenho de Luz – Robert Fuchs
Desenho de Som – Luís Lucena
Direção de Produção – Miguel Torres
Produção - Os Suspeitos do Costume
Elenco:
João Cobanco, Jorge Soares, Norberto Paulo, Daniela Onis, Joana Caçador,
Sónia Lisboa, Miriam Santos e Miguel Torres

10
Jan16

Teatro na ACERT - CÂMARA DE ECO Zunzum Associação Cultural

olhar para o mundo

camaraeco.jpg

 

 

CÂMARA DE ECO
Zunzum Associação Cultural
TeatroPreço: 5/7,5 €
Duração: 70 minutos
Classificação: M/16

Qualquer semelhança com a realidade que detetem é mera coincidência… Você é um dependente digital?

Trata-se de um projeto inovador, baseado em conhecimento científico lançado recentemente, sobre os benefícios da interação com a Web, mas ao mesmo tempo, reflete os perigos na redundância da informação que nos é fornecida, tendo como conceitos chave: a emoção surpresa e a novidade!

Num investimento ambicioso e profissional, a Zunzum reúne uma equipa numerosa que tem vindo a trabalhar desde maio, com o objetivo de partilhar com o seu público um espetáculo único e irreverente.

"Estas coisas que por aqui se vão vendo só acontecem no mundo digital, que fica longe e é um sítio perfeitamente delimitado no espaço. Assim, estas questões circunscrevem-se a esse território e dizem respeito apenas aos nativos desse sítio. Qualquer semelhança com a realidade que detetem é mera coincidência… Você é um dependente digital?” É desta interrogação que parte a ZunZum para questionar o modo como nos relacionamos com o universo digital e as redes sociais. Com a informação e o entretenimentos disponíveis a qualquer hora, bastando, para lhes aceder, um pequeno toque no ecrã, telemóveis e tablets passaram a integrar todos os momentos do nosso quotidiano, substituindo, em muitos deles, a comunicação interpessoal. O texto, de Fernando Giestas, parte da tese de doutoramento Emotions and Recommender Systems: a social network approach, de Carlos Figueiredo (2014) e promete contribuir para uma reflexão pertinente sobre estas questões, cada vez mais parte essencial de quase todos os nossos gestos.

Local: Auditório 2
 Sáb. 16 jan'16 às 21:45

 

PREÇO: 7,50€ / Associado: 5€ / Descontos: 6€ / Desempregado: 2,50€


Ficha Técnica

Texto: Fernando Giestas
Conceção, Direção e Espaço cénico: Fraga
Assistente de encenação: Mariana Veloso
Construção de cenários: José Loureiro
Figurinos e adereços: Daniela Fernandes
Desenho de luz: Rui Pêva
Imagem: Oscar Sánchez Requena
Vídeo: Ricardo Röseler
Atores: André Ferreira, Carlos Cruchinho, Lia Cruz, Joana Sevivas, Jorge Justo, Patrick Olufson, Ricardo Röseler

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub