Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

21
Out16

La NONNA - Estreia 21 outubro no Teatro Municipal do Barreiro

olhar para o mundo

la nonna.jpg

 

La NONNA

 

Estreia 21 outubro no Teatro Municipal do Barreiro

 

 O Teatro Municipal do Barreiro recebe, às sextas e sábados, pelas 21h30, a partir de 21 de outubro, a peça de teatro “La Nonna”, pela Companhia de Teatro do Barreiro “Arteviva”. É uma comédia de Roberto Cossa, com encenação de Luís Pacheco.

 

Sobre o espetáculo

Um enorme desafio, uma experiência gratificante que me deixou mais uma vez de coração cheio, trabalhar neste espaço e com esta equipa tem sido fundamental para mim. Depois de “Viva o Casamento” e “A Rosa Enjeitada” surge “La Nonna” um dos textos do dramaturgo argentino Roberto Cossa mais divulgados e premiados. Trata-se de uma peça onde o realismo crítico e o teatro do absurdo se cruzam. O texto é magnífico, os atores maravilhosos e encenar este espetáculo foi a melhor coisa que me podia ter acontecido.

“La Nonna” é uma avó centenária que devora tudo o que lhe passa pelas mãos e que com o seu egoísmo conduz a família à autodestruição. Mas o que representa a Nonna afinal? Será uma metáfora sobre a sociedade…? O estado…? Um percurso onde a comédia se pode tornar na mais cruel tragédia…

Luís Pacheco

 

O autor

Roberto Cossa, Dramaturgo Argentino

Nasceu a 30 de novembro de 1934 em Buenos Aires, Argentina, onde ainda vive.

Enquanto jornalista passou por Clarín, La Opinión, o Cronista Comercial e esteve dez anos como correspondente ‘clandestino’ para a Prensa Latina, agência de notícias cubana.

Como dramaturgo, juntamente com Ricardo Halac, integra a Geração do Novo Realismo. Foi também um dos impulsionadores do Teatro Abierto (uma reação cultural contra a ditadura militar argentina de grande influência na sociedade da época).

Roberto ‘Tito’ Cossa é autor de várias obras como Tute Cabrero, La Nonna, Gris de Ausencia e Yepeto.

Em 1977 estreou La Nonna, a sua peça de maior sucesso. La Nonna continua a ser uma referência no teatro argentino, tendo sido adaptado para filme em 1979.

Em 1994 foi galardoado com o Prémio Konex de Platino destinado ao mais importante escritor de teatro da década na Argentina.

Em 2007 foi nomeado presidente da Sociedade Geral de Autores da Argentina.

Ficha Artística e Técnica

La Nonna (1976)

De Roberto Cossa

Encenação Luís Pacheco

Assistente de Encenação Ana Sofia Samora

Interpretação Alexandre Antunes, Ana Samora, Ângela Farinha, Bruno Vitoriano, Henrique Gomes, Manuela Ramos Félix e Rui Félix 

​Design de Cenário Eugénio Silva | Construção e Montagem António Santinho | Figurinos e Adereços Manuela Ramos Félix | Desenho de Luz João Oliveira Jr. | Operação Técnica Paulo Palma | Design gráfico Alexandre Antunes | Fotografia de Cartaz Teresa Vitorino | Fotografia de Cena Nelson Tondela | Produção Executiva Catarina Santana | Apoio Geral João Henrique Oliveira | Agradecimentos a Céu Madeiras, Jorge Cardoso.

Classificação M/12 anos.

 

Reservas

910 093 886

 

Bilheteira

sexta e sábado, das 20h30 às 21h30

 

Bilhetes

Preço normal: 5€

Desconto grupos >10: 3€ 

 

CMB 2016-10-20

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub