Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

16
Jan13

Ruben Faria mais longe do primeiro lugar

olhar para o mundo

Cyril Despres consolidou a liderança e dificilmente deixará fugir mais uma vitória no Dakar

Uma avaria na 11.ª etapa terá deixado Hélder Rodrigues irremediavelmente afastado do pódio. Paulo Gonçalves terminou em segundo e voltou a ser o melhor português

 

Paulo Gonçalves voltou esta quarta-feira a ser o melhor português no Dakar, nas motos, com o segundo lugar na 11.ª etapa, que ditou a vitória do norte-americano Kurt Caseli. Ruben Faria manteve a segunda posição da geral, mas perdeu mais de 11 minutos para Cyril Despres, líder da prova.

O piloto algarvio encerrou o dia na 10.ª posição, deixando mais sozinho na frente da classificação o seu "chefe de fila" na KTM. Apesar de tudo, Faria distanciou-se do terceiro classificado, que continua a ser o chileno Chaleco Lopez.

A figura nacional da etapa voltou a ser Paulo Gonçalves, que na véspera tinha ficado em terceiro lugar. Esta quarta-feira o piloto de Esposende voltou a estar em grande plano, superando mesmo Despres, que foi terceiro. Com esta performence, o português ficou à porta do top 10, na 11.ª posição.

Quem terá hipotecado todas as hipóteses de alcançar o pódio deste Dakar, foi Hélder Rodrigues, um dos principais candidatos à vitória no início deste rali. O lisboeta, que lidera a equipa oficial da Honda, vinha a ganhar posições na geral e ontem estava entre os primeiros, até uma avaria o ter obrigado a parar.

Acabou por chegar em 26.º lugar, a 48m29 de Caseli, descendo da sexta para a 9.ª posição da geral, a 1h16m24s de Despres.

Em relação à restante comitiva nacional nas duas rodas, Bianchi Prata terminou a etapa em 33.º, duas posições à frente de Mário Patrão.

Mau tempo trava carros

O mau tempo retirou o protagonismo aos carros na etapa desta quarta-feira. A chuva que se fez sentir provocou uma enchente em dois rios, impedindo a passagem de muitos participantes.

Entre os que não foram afectados, Robby Gordon foi o mais rápido, seguido de Ronan Chabot e Lucio Alvarez, enquanto o líder da geral, Stephane Peterhansel, foi sexto. Resultados que poderão ainda ser invalidados se os comissários da prova decidirem anular a etapa.

Classificação da 11.ª etapa (motas)

1.º Kurt Caseli (KTM), 2h55m01s

2.º Paulo Gonçalves (Husqvarna), a 4m45s

3.º Cyril Despres (KTM), a 6m24s

….

10.º Ruben Faria (KTM), a 18m03s

26.º Hélder Rodrigues (Honda), a 48m29s

33.º Pedro Bianchi Prata (Husqvarna), a 57m29s

35.º Mário Patrão (Husqvarna), a 1h00m30s

Classificação geral:

1.º Cyril Despres (KTM), 33h48m29s

2.º Ruben Faria (KTM), a 13m16s

3.º Chaleco Lopez (KTM), a 18m08s

9.º Hélder Rodrigues (Honda), a 1h16m24s

11.º Paulo Gonçalves (Husqvarna), a1h28m18s

34.º Mário Patrão (Suzuki), a 5h24m51s

41.º Bianchi Prata (Husqvarna), a 9h11m04s

 

Retirado do Público

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub