Lance Armstrong, estrela de Hollywood?

Lance Armstrong, estrela de Hollywood?

A Warner Bros. e a Paramount Pictures estão a preparar dois filmes com a história do ciclista norte-americano.

 

Não há história que fuja às atenções de Hollywood. Quando em Janeiro, Lance Armstrong admitiu que venceu, recorrendo ao doping, as sete Voltas à França, quantas pessoas não terão pensado que o caso era digno de um filme? Pois bem, agora vai mesmo chegar aos cinemas. E não será apenas com um filme, mas dois.

 

Os dois grandes estúdios de Hollywood não querem perder a oportunidade de contar a história da ascensão e queda daquele que já foi o herói do ciclismo e, por isso, cada um terá o seu filme. Segundo o Deadline, a Warner Bros. adquiriu os direitos para avançar com o projecto mas a Paramount Pictures já tinha revelado a intenção de adaptar a história de Armstrong ao cinema.

 

A Warner Bros. tem o ciclista norte-americano Tyler Hamilton, colega de equipa de Armstrong e que também admitiu o uso de doping do seu lado; e a Paramount Pictures tem a jornalista Juliet Macur, autora do livro Cycle of Lies: The Fall of Lance Armstrong, do qual comprou os direitos para adaptar ao cinema.

 

Ainda não são conhecidos muitos detalhes de nenhum dos projectos mas, de acordo com o site Deadline, o filme da Warner Bros. será produzido por Charles Roven e Alex Gartner, da Atlas Entertainment, e o argumento vai ser da responsabilidade de Scott Z. Burns, argumentista do novo filme de Steven Soderbergh Efeitos Secundários.

 

A realização vai ficar entregue a Jay Roach, realizador de comédias comoAustin Powers ou Um Sogro do Pior. Além do cinema, o percurso de Roach ganhou destaque também na televisão, tendo vencido três Emmys com os filmes Recount (2008) e Game Change (2012), ambos sobre temas políticos.

 

O estúdio protegeu os direitos de Tyler Hamilton, garantindo assim que este não participará de forma alguma no filme da Paramount.

 

Por seu lado, a Paramount já garantiu o apoio na produção da Bad Robot, produtora de J.J. Abrams. E foi já a pensar neste filme que comprou os direitos do livro de Juliet Macur, jornalista que acompanhou a carreira de Lance Armstrong, especialmente nos últimos anos, desde a recuperação do cancro até à revelação final.

 

Cycle of Lies: The Fall of Lance Armstrong só chegará às lojas em Junho com o selo da Harper Collins, que em Novembro assegurou o projecto depois de ter pago um adiantamento à jornalista de cem mil dólares (cerca de 77 mil euros).

 

Mas estes não são os únicos projectos em curso. Alex Gibney, que em 2007 venceu o Óscar para o melhor documentário com Taxi to the Dark Side, já estava a trabalhar num documentário sobre o ciclista e as constantes acusações de uso de doping antes de tudo se ter descoberto.

 

A queda de Lance Armstrong aconteceu no início deste ano quando o próprio admitiu o uso de doping, depois de anos a negar. O ciclista contou, numa entrevista a Oprah, como ao longo destes anos conseguiu esconder e enganar toda a gente e pediu desculpa pelas suas acções.

 

Retirado do Público

publicado por olhar para o mundo às 21:40 | link do post