Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

11
Mai17

De Frank Zappa a Stuart Staples, de Grave a Uma Memória em Três Atos no IndieLisboa

olhar para o mundo

zappa.jpg

 

O que há para ver ainda no IndieLisboa

De Frank Zappa a Stuart Staples, de Grave a Uma Memória em Três Atos

 
 

Estreia esta quarta, dia 10 de Maio, pelas 21h30, aquela que é a primeira aventura de Stuart Staples (vocalista dos Tindersticks) na realização. Minute Bodies: The Intimate World of F. Percy Smith é uma experiência imersiva que homenageia o trabalho do grande pioneiro do microcinema: F. Percy Smith. Com banda sonora dos próprios Tindersticks, o filme apresenta um olhar completamente novo sobre uma obra, até agora, esquecida. Stuart Staples estará presente na sessão para uma conversa com o público.

O Cinema São Jorge recebe, esta quinta dia 11 de Maio às 19h00, Eat That Question - Frank Zappa in his own words, um documentário único que reúne filmagens inéditas do cantor. Recorrendo a entrevistas e material de arquivo, este filme oferece uma visão próxima sobre a imagem pública e privada de um dos mais influentes músicos dos últimos 40 anos, olhando o seu contributo na construção de pontes entre o rock, o jazz e a música clássica. Também agendada para dia 11 pelas 21h45, no Cinema São Jorge, a única passagem em sala de Grave, um dos mais recentes fenómenos do terror francês. Acompanhando a espiral descendente de uma vegetariana rumo ao canibalismo, o filme tem provocado indisposição e vómitos a membros do público. Uma metáfora sobre a passagem à idade adulta, o conformismo e o sexo.

No fim-de-semana, o IndieLisboa encerra com a mostra de dois importantes olhares sobre a sociedade e a história. A estreia em sala de I Am Not Your Negro (Domingo, 14 de Maio, 21h30), de Raoul Peck, e da primeira longa metragem do realizador moçambicano Inadelso Cossa (Sábado, 13 de Maio às 18h00 no Cinema São Jorge e Domingo 14 às 21h45 na Culturgest). Uma Memória em Três Atos é um documentário que olha o passado colonial português pelos olhos dos moçambicanos. Promovendo o encontro entre ex-presos políticos e os espaços de reclusão, o filme é um exercício de memória obrigatório sobre as histórias daqueles que se viram silenciados pelo regime.

 
O IndieLisboa 2017 by Allianz é organizado pela IndieLisboa - Associação Cultural, com o apoio financeiro do Ministério da Cultura/ICA - Instituto do Cinema e do Audiovisual, da CML - Câmara Municipal de Lisboa, do Programa Creative Europe da União Europeia, da Acción Cultural Española (AC/E) através do Programa para a Internacionalização da Cultura Espanhola (PICE) e da Allianz; em co-produção com a Culturgest e o Cinema São Jorge e em parceria estratégica com a EGEAC - Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural, EEM.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub