Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

30
Nov14

Mary J Blige - “London Sessions” chega Segunda Feira

olhar para o mundo

maryjblige.jpg

 

MARY J. BLIGE

"London Sessions" chega Segunda Feira

Ao lado de Sam Smith, Disclosure ou Emeli Sandé, é já na próxima Segunda Feira que o mais recente projecto da icónica "rainha do R&B", vê a luz do dia.

Ao 13º álbum de estúdio, Mary J Blige cruzou o Atlântico para se reinventar e colaborar com alguns dos mais actuais e mais interessantes talentos britânicos, um risco que a levou para fora da sua zona de conforto, mas que reconhece a importância da sonoridade que está a sair do Reino Unido. E, segundo a crítica internacional, esta é uma lufada de ar fresco.
 
Produzido nuns surpreendentes 20 dias - 10 de escrita e 10 de gravação - "The London Sessions" inclui a participação de nomes como Disclosure, Sam Smith,Emeli Sandé ou Naughty Boy, para além do produtor Rodney "Darkchild" Jenkins, colaborador habitual de Mary.
 
"Right Now" é uma das quatro canções escritas ao lado de Sam Smith e o vídeo pode ser visto aqui. Foi também divulgado um trailer que nos leva aos bastidores e às sessões de estúdio que aconteceram no Verão passado.
 
A ideia para o álbum surgiu a partir do momento em que a cantora se encontrou com os Disclosure para a remistura de "F For You" - a dupla confessou que "a razão pela qual artistas como a Mary têm tanto sucesso é porque não têm medo de mudar completamente o que fazem". Já Sam Smith diz que este projecto "tem tanto de corajoso como de sincero".
 
Mary J Blige é uma das vozes históricas da soul e do R&B e uma estrela global, com 8 discos de platina e nove Grammys (das 31 nomeações).
 
SPIN
"Vocally, Blige has never sounded better"
 
COMPLEX
"Mary once again proves why she is a legend in the game"
 
DAILY TELEGRAPH (4*)
"A triumph: Blige sings with a shocking intensity"
 
THE INDEPENDENT (4*)
"Her strongest album in ages"
 
THE OBSERVER
"Collaborations between US R&B royalty and UK acts have become relatively common but it’s hard to think of one as heartfelt and classy as this"

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D