Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

12
Dez12

Pinto da Costa responde a Vieira e desmente regresso de Quaresma

olhar para o mundo

Pinto da Costa responde a Vieira e desmente regresso de Quaresma

O presidente do FC Porto garante que “em Janeiro não sairá nenhum dos habituais titulares”.

 

se, o presidente dos campeões nacionais usou da ironia habitual para negar que o extremo, que rescindiu contrato com o Besiktas, esteja a caminho do Estádio do Dragão: “Se há espaço para o Quaresma? Aqui, na loja, não, que é muito pequena. No estádio? O que não falta lá é espaço.”

 

O líder dos “dragões” disse ainda que Quaresma, “se vier passar o Natal” ao Porto, “pode vir”, mas rematou o assunto garantindo que “as notícias que saíram não têm qualquer fundamento”.

As declarações de Luís Filipe Vieira também foram tema de conversa. O presidente do Benfica disse, no final do derby frente ao Sporting, que os “encarnados” apenas jogavam com um guarda-redes, numa referência à jogada no encontro entre o FC Porto e o Moreirense, no passado fim-de-semana, em que Alex Sandro tocou a bola com a mão dentro da grande área, e Pinto da Costa contra-atacou.

“Não tenho qualquer informação sobre alterações nos regulamentos, mas acho que para nós seria bom, porque com o Helton e o Fabiano na baliza não sofríamos golos de certeza”, respondeu o dirigente portista.

Numa cerimónia onde estiveram também presentes Lucho González, Helton, Vítor Pereira, Antero Henrique e Adelino Caldeira, Pinto da Costa afirmou que não aceitará negociar em Janeiro nenhum dos habituais titulares.  

“Quando chegar a hora de contactarem comigo, saberão que não vendo. Não vou deixar sair ninguém. Se o FC Porto está a disputar o título e está nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, por que haveria de vender algum jogador?”, questionou.

O dirigente referiu, a finalizar, que, “daqueles que o treinador considere indispensáveis, só sairá alguém se pagarem a cláusula de rescisão”, mas “é evidente que os jogadores que não jogam podem sair”.
 

Noticia do Público

27
Out12

benfiquistas escolheram mais do mesmo

olhar para o mundo

Luis Filipe Vieira ganhou eleições do Benfica

Vieira reeleito presidente do Benfica com 83% dos votos

Os sócios do Benfica apostaram na continuidade e reelegeram ontem Luís Filipe Vieira como presidente do clube para o seu quarto mandato. Vieira voltou a ter uma maioria esmagadora (83,02%), mas inferior em relação a outras votações (95,6% em 2006, 91,7 em 2009 e 90,5 em 2003), enquanto Rui Rangel, o líder da Lista B, obteve apenas 13,83%. Votaram 22.676 sócios, o que corresponde à maior votação de sempre da história do clube, ultrapassando o anterior recorde fixado em 2000, quando Manuel Vilarinho bateu Vale e Azevedo, com 21.804 sócios votantes.

Vieira recolheu a preferência de 18.139 sócios votantes, o que corresponde a um total de 383.988 votos. Em Rangel votaram 3.744 sócios que valeram 64.299 votos. Foi a primeira vez que o agora reeleito presidente ficou abaixo dos 90% dos votos, sendo, ainda assim, a sexta maior diferença em eleições do clube.

Serão quatro anos (a primeira vez que tal acontece) de um mandato que irá durar até 2016 e que transforma Vieira, de 63 anos, no presidente há mais tempo no cargo, ultrapassando Bento Mântua, que dirigiu o clube entre 1917 e 1926. Acabou por não se fazer sentir nas urnas o acto de contestação que ocorrera no início do mês com o chumbo das contas do último exercício em Assembleia Geral, após o qual foi anunciada a candidatura de Rangel. Vieira vai ter a oportunidade de prosseguir o seu modelo de gestão, apostando mais no investimento e mantendo o passivo consolidado inferior a 370 milhões de euros sob controlo.

O juiz desembargador de 54 anos lançou a candidatura a menos de duas semanas do acto eleitoral e, apesar das intervenções públicas diárias, não conseguiu convencer os benfiquistas com o seu discurso de ruptura com uma gestão que considera ruinosa. A Rangel, que pretendia ser um presidente remunerado caso fosse eleito, restará ficar como um rosto de oposição a Vieira e pensar numa eventual candidatura em 2016.

Nos últimos dias de uma campanha em que não houve debate entre os dois candidatos, mas muitas acusações de parte a parte, Vieira lançou um dos seus grandes trunfos, o corte de relações com a Olivedesportos no que diz respeito aos direitos televisivos. Depois da última proposta da empresa de Joaquim Oliveira, 111 milhões divididos por cinco anos, o presidente “encarnado” avançou para a solução de transmitir os jogos na Benfica TV, mas não esclarecendo exactamente em que moldes, com que parceiros ou que receitas espera obter com este modelo.

Terá, porém, a seu lado José Eduardo Moniz, um especialista no audiovisual, que entrou na lista vencedora depois de, em tempos, ter sido uma voz muito crítica. Foi uma lista para a qual Vieira chamou muitos dos seus fiéis (Rui Gomes da Silva, Rui Cunha) e também antigos opositores (Moniz e Varandas Fernandes).

No que diz respeito ao futebol, que continuará a ter Rui Costa como um dos rostos, Vieira traçou objectivos ambiciosos para o mandato: três títulos nacionais e a presença numa final europeia, sendo que o ideal para os “encarnados” seria estar na final da Liga dos Campeões de 2014, que se realiza no Estádio da Luz — nos três primeiros mandatos do actual presidente, o Benfica conquistou dois campeonatos e não foi a qualquer final europeia. Quanto ao futuro de Jorge Jesus, Vieira não se comprometeu com a continuidade do técnico para lá da próxima época.

A lista vencedora

DIRECÇÃO
Presidente: Luís Filipe Ferreira Vieira 
Vice-Presidente: Rui Manuel Frazão Henriques da Cunha 
Vice-Presidente: Rui Gomes da Silva 
Vice-Presidente: Domingos José Soares d’Almeida Lima)
Vice-Presidente: José Eduardo Soares Moniz 
Vice-Presidente: Nuno Ricardo Gaioso Jorge Ribeiro 
Vice-Presidente: João Manuel Varandas Fernandes 
Vice-Presidente (suplente): Alcino Morgado António
Vice-Presidente (suplente): Sílvio Rui Neves Correia Gonçalves Cérvan 

ASSEMBLEIA GERAL
Presidente: Luís Filipe Nunes Coimbra Nazaré 
Vice-Presidente: Virgílio Duque Vieira 
1.º Secretário: Jorge Ascensão de Mendonça Arrais 
2.º Secretário: Bernardo Soares de Albergaria e Sousa 
Secretário (Suplente): Ricardo Fortuny Martorell 

CONSELHO FISCAL
Presidente: Nuno Afonso Henriques dos Santos 
Vice-Presidente: Rui António Gomes do Nascimento Barreira 
Vogal: Gualter das Neves Godinho 
Vogal: João de Castro e Quadros da Costa Quinta 
Vogal: José Manuel da Silva Appleton 
Vogal Suplente: João Carlos L Simões Paço 


Noticia do Público

20
Out12

Luís Filipe Vieira acusa candidatura de Rui Rangel de falta de ética

olhar para o mundo

Luís Filipe Vieira acusa candidatura de Rui Rangel de falta de ética

A corrida à presidência do Benfica continua inflamada. Esta sexta-feira, Luís Filipe Vieira lançou duras críticas à candidatura adversária, que acusou de não conhecer a realidade do clube.


"Há um vazio no projecto que apresentaram aos benfiquistas. Do outro lado, há apenas um grupo de pessoas que só sabem dizer mal, que não têm nenhuma ideia, que não sabem a realidade do Benfica. Preocupa-me a falta de ética de algumas pessoas da outra candidatura", sublinhou o actual presidente, na sessão de apresentação da comissão de honra da sua candidatura.

Horas antes, Rui Rangel já tinha denunciado o que considera ser a "lei do silêncio que ofende a memória e a história do Benfica". O juiz desembargador acusa Vieira de fugir ao confronto de ideias e desafia-o "a um debate público, aberto, democrático e cordial".


Noticia do Público

18
Out12

Benfica - Rangel acusa Jorge Mendes

olhar para o mundo

Rangel acusa Jorge Mendes de instrumentalizar jogadores e treinadores a favor de Vieira18.10.2012 - 17:47 PÚBLICO Foto: Pedro Cunha

Rui Rangel, candidato à presidência do Benfica, acusa o empresário Jorge Mendes de instrumentalizar alguns dos seus clientes, como José Mourinho, Luiz Felipe Scolari, David Luiz e Simão Sabrosa, para fazerem declarações públicas a favor do actual presidente Luís Filipe Vieira.


Numa nota divulgada pela sua candidatura, Rangel acusa Vieira de se esconder atrás do empresário “que disponibilizou os seus serviços para desiquilibrar um acto eleitoral”. Rangel garante que, se for eleito, Mendes não terá tratamento especial no Benfica, acusando o actual presidente de ter um “acordo escondido” com o empresário num “negócio de muitos milhões de euros de comissões recebidas e a receber no futuro”.

"Há três anos atrás escondeu-se atrás de Rui Costa para convencer os benfiquistas de que os anos seguintes seriam o seu mandato desportivo. Porém, o mandato desportivo correu mal e Luís Filipe Vieira ainda ganhou menos do que o fizera durante o seu primeiro mandato, quando venceu o campeonato que não devia ter vencido, de acordo com a autorizada opinião do actual presidente do Benfica", observa ainda a candidatura do juiz.

As eleições do Benfica realizam-se a 26 de Outubro. Luis Filipe Vieira e Rui Rangel lideram as duas listas candidatas.


Noticias do Público


26
Jul12

Benfica, O concelho de disciplina perdeu o medo

olhar para o mundo

Benfica  Filipe Vieira punido com 45 dias de suspensão

As declarações de Luís Filipe Vieira após o jogo com o Sporting, a 26 de Novembro de 2011, foram punidas com uma suspensão de 45 dias.


O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol decidiu sancionar o presidente do Benfica com 45 dias de suspensão e 2500 euros de multa, por infracções previstas e punidas pelos artigos 5º, N.º2 – "Deveres e obrigações gerais" – e 109º, n.º 1º - "Da lesão da honra e reputação [dirigente]".

As declarações foram proferidas após o Benfica-Sporting, jogo que terminou 1-0, com um golo de Javi García. 

O jogo ficou marcado pelo que aconteceu depois do apito final. Na zona onde estavam os adeptos do Sporting - a polémica "caixa de segurança" - foi registado um incêndio, que, alegadamente, danificou a estrutura do Estádio da Luz. Esse episódio esfriou ainda mais as relações entre os clubes e levou a declarações crispadas de parte a parte. 


Noticia do Público

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub