Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Coisas da Cultura

Porque há sempre muito para ver e para contar

Porque há sempre muito para ver e para contar

As Coisas da Cultura

05
Out16

CAVEMAN COM JORGE MOURATO no Teatro Villaret

olhar para o mundo

caveman.jpg

 

CAVEMAN

 

Caveman detém o recorde como o espectáculo a solo com mais tempo em cena na história da Broadway. É também já afirmadamente uma força mundial que conquistou os corações de milhões e que vai com certeza conquistar também o seu. Caveman já foi visto em 45 países e traduzido para 18 idiomas diferentes (e continua a somar!).


Sendo uma peça astutamente hilariante sobre as várias formas como homens e mulheres se relacionam, Caveman provoca a ambos os sexos uma identificação constante com os seus conteúdos e consequentes ruidosas gargalhadas. Acenos afectuosos entre membros do público ocorrem com regularidade durante o espectáculo à medida que se revêm nas histórias que são contadas no palco.


Caveman, faz-nos rir de nós próprios sobre todas as formas como homens e mulheres discutem, riem e amam. Por essa razão, casais por todo o mundo se apaixonaram pelo Caveman.


A popular comédia Caveman foi escrita por Rob Becker ao longo de um período de 3 anos durante o qual ele realizou um estudo sobre antropologia, pré-história, psicologia, sociologia e mitologia. Caveman tem sido desde tal uma ferramenta para alcançar a paz nos constantes mal-entendidos entre homens e mulheres.


Caveman estreou em São Francisco em 1991 e rapidamente mudou-se para Dallas. Após um ano em Dallas – passando a aclamado sucesso – Caveman seguiu para representações esgotadas em Washington DC, Filadélfia e Chicago, antes de se estrear na Broadway em 1995. Após estar em cena por dois anos e meio e 702 representações no Helen Hayes Theater, Caveman entrou para o livro de recordes como o espectáculo a solo com mais tempo em cena na história da Broadway.


Desde então, Caveman tem estado em digressão em salas por todo o mundo.

Com Jorge Mourato

Texto Rob Becker Encenação António Pires Tradução Felipa Mourato Cenografia Artur Pinheiro
Produção Força de Produção com o apoio Ready to Shoot


Teatro Villaret
A partir de 18 Outubro

Terças-feiras às 21h30
Preços 12€

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub